Página Inicial / Direito / MP recomenda e TC vai investigar irregularidades no Carnaval de Guarapari

MP recomenda e TC vai investigar irregularidades no Carnaval de Guarapari

Irregularidades denunciadas pelo Portal Realidade Capixaba no processo de licitação do Carnaval de Guarapari serão investigadas pelo Tribunal de Contas com parecer favorável do Ministério Público de Contas. O TC também vai apurar a denúncia de favorecimento da empresa Meirelles Produções.

Entenda o caso

O Ministério Público de Contas em Manifestação Técnica número 00120/2018 – 4 recomendou ao Tribunal de Contas que reconheça a denúncia de irregularidades durante o processo de licitação do carnaval de 2018 em Guarapari.

Manifestação Técnica (1)

Manifestação Técnica (2)

O parecer técnico da auditoria do Tribunal de Contas determinou “a oitiva do Prefeito Edson Magalhães e da pregoeira oficial da prefeitura de Guarapari Lúcia Nunes de Souza, para que num prazo de 10 dias se pronunciem acerca da irregularidade apontada nesta representação”.

Relembre o caso:

Em fevereiro de 2018, o Tribunal de Contas recebeu um pedido de suspensão da licitação do carnaval de Guarapari. No pedido a empresa denunciante alegou que a prefeitura não deu publicidade devida do edital de licitação, impedindo assim que a empresa pudesse participar. Urgente! Carnaval de Guarapari pode não acontecer. Entenda o caso

Antes que a licitação ocorresse, o Portal Realidade Capixaba recebeu de uma fonte da prefeitura a informação de que a licitação estava direcionada e registrou um documento com o resultados da licitação antes que ela ocorresse. Servidora denuncia fraude em licitação do carnaval de Guarapari: “Todos os envolvidos sabem quem vai vencer”

O prefeito de Guarapari, Edson Magalhães ainda não foi citado, o que deve ocorrer nos próximos dias.

CPI dos Shows

Em sessão polêmica e tumultuada da Câmara de Vereadores de Guarapari, em março de 2018, os vereadores Clebinho Brambati e Oziel, que fazem parte da base do prefeito Edson Magalhães, disseram em plenário que se fossem apontadas irregularidades pelo Ministério Público, votariam favoravelmente à abertura da CPI dos Shows. Relembre o caso: Mentiu para a Câmara e mentiu para a imprensa. Situação do vereador se complica. Entenda o caso

A Câmara está de recesso e nossa equipe não conseguiu contato com os vereadores para saber se vão mudar o voto contrário à CPI dos Shows e apoiar o pedido de investigação feito pelo vereador Zazá e que já conta com as seis assinaturas necessárias para a abertura de investigação, mas está parada na casa.

18/07/2018

__________________________________________________________________________


Transparência-660x95

No Banner to display



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display