domingo, 14 de abril de 2024 / 12:09
InícioCidadesEsquina da Cultura agita Guarapari e atrai comerciantes de vários lugares

banner topo matérias 728x90px

Esquina da Cultura agita Guarapari e atrai comerciantes de vários lugares

Música, gastronomia e arte em um só lugar. No último fim de semana o centro de Guarapari ficou mais animado e atrativo com o projeto Esquina da Cultura. O Evento, realizado em dois finais de semana consecutivos, teve início nos dias 21 e 22 de Julho, na Avenida Joaquim da Silva Lima e termina no próximo fim de semana.

São três palcos distribuídos ao longo da avenida, dois tablados mais próximos ao público e um palco central. Durante todo evento, as músicas são apresentadas em diversos estilos.

Adriano Abreu, presidente do Guiabares, fez uma avaliação bem positiva. Segundo ele: “o local escolhido para a realização do evento é cercado por uma diversidade de bares, restaurantes e lanchonetes. Foi tudo muito bom e agradou a todos”, avaliou.

Ao todo foram vinte Food Trucks e Beer Trucks, vindos de toda parte do Espírito Santo e também do Rio de Janeiro, para compor a programação.

Os irmãos e sócios da ‘Bike Chef Bibi’, Cassia Oliosi e Pedro Júlio Oliosi, vieram de Iconha só para participar deste evento. “Esse foi nosso primeiro evento desse tipo e nos deu muita visibilidade. Um amigo me indicou para o Adriano Abreu, e eu gostei muito da organização, da programação e todo apoio fornecido”, destacou Cassia.
“Recebemos muitos elogios, as pessoas ficaram admiradas com o design e a arrumação da nossa bike”, completou a Chef que já retornou para cidade onde reside, mas garantiu sua participação no próximo fim de semana, quando ocorre a última etapa do evento.

Alguns comerciantes reclamaram da concorrência de fora do município, pois acabou tirando o espaço do comércio local. “O ideal é que uma parte do evento seja reservada para o empresário local. Do jeito que foi feito o dinheiro não circula na cidade e nem gera oportunidades de trabalho. Os comerciantes vieram, venderam seus produtos e levaram o dinheiro para seus municípios de origem. A festa está linda, mas a prefeitura poderia ter pensado também no comércio local. Esse evento não gerou nenhum emprego no município”, declarou a gerente de um restaurante próximo ao evento que preferiu não ser identificada.

 

Reportagem, Joice Biane.

banner lateral 300x300px 2

2 COMENTÁRIOS

  1. Shows super faturados, comerciantes de fora, difícil entender. Fora isso devemos pensar, se ocorre um acidente no evento, para onde levariam os infermos? A cidade não tem médicos e muito menos medicamentos para atender a população. Festa para mídia é fácil, quero ver fazer festa para o povo, para o dinheiro ficar no município, para fomentar a economia local, os artistas e comenciantes vem aqui pegam o dinheiro e vão gastar em suas cidades. Evento bom mais muito mal planejado.

    • Você realmente considera que, dentro de Guarapari, há oferta suficiente de cultura e comidas diversificadas em pleno inverno? E outra, os comerciantes não são “de fora”, são comerciantes locais que vendem por perto, em sua maioria capixaba ainda por cima, e, mesmo que não fosse, qual seria o problema? Falta aos locais empreenderem antes de saírem reclamando, até por que não deve ser fácil sustentar negócios como estes em épocas de estiagem econômica. Por mais eventos como o tal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

banner lateral 300x300px 2

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

banner lateral 300x300px 3