Página Inicial / Cidades / Ales envia materiais para vítimas de chuvas

Ales envia materiais para vítimas de chuvas

Várias instituições estão se mobilizando para arrecadar doações e ajudar vítimas das fortes chuvas que atingiram alguns municípios do estado. Servidores da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) também se mobilizaram e fizeram as doações segunda-feira (20). Com apoio da Polícia Militar e Guarda Municipal de Vitória, a remessa é a segunda a ser encaminhada para os municípios atingidos.

A maior parte do material desta segunda será encaminhada para a cidade de Alfredo Chaves. Outra parcela do carregamento irá para Iconha, município que no sábado (18) recebeu a primeira remessa encaminhada pela Ales em caminhão do Exército Brasileiro. Ao longo desta semana, novas remessas de doações seguirão para outros municípios atingidos pelo temporal. As inundações atingiram principalmente Iconha, Vargem Alta e Alfredo Chaves.

Ao todo, a Assembleia já arrecadou quase 20 toneladas de produtos, sendo roupas de cama, roupas pessoais, sapatos e colchões os itens mais doados. Foram arrecadadas 453 cestas básicas, 300 fardos de papel higiênico, 57 caixas com produtos de higiene pessoal, 34 caixas com materiais de limpeza, 45 pacotes de fraldas e 6 mil litros de água.
Durante toda esta semana a Assembleia Legislativa (Ales) vai receber doações. Os interessados em participar da campanha podem deixar os materiais até sexta-feira (24), no horário de 7h às 19h, no térreo da Ales, localizado na Avenida Américo Buaiz, 205 (Enseada do Suá) – em frente ao Shopping Vitória.

Conforme o secretário de Gestão de Pessoas da Ales, Joel Rangel, logo após as inundações, toda a estrutura da Casa foi colocada à disposição para ajudar no socorro aos desabrigados. “Por determinação do presidente da Casa, deputado Erick Musso, a Assembleia se colocou à disposição e a resposta foi rápida. O povo capixaba é solidário, e no próprio sábado, conseguimos encher um caminhão cedido pelo Exército, e levamos tudo para Iconha”, relatou Joel.

Fonte: Assessoria ALES



Sobre Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *