quarta-feira, 19 de junho de 2024 / 00:12
InícioCidadesRio Grande do Sul: A importância do socorro psicológico/psiquiátrico para tratar Transtorno...

banner topo matérias 728x90px

Rio Grande do Sul: A importância do socorro psicológico/psiquiátrico para tratar Transtorno de Estresse Pós-Traumático

Com as enchentes no Rio Grande do Sul muitas pessoas perderam familiares, a casa, estão em abrigos ou passaram por outras situações traumáticas, o que tem levantado o alerta sobre a importância, também, do apoio psicológico e psiquiátrico para as vítimas evitando que elas desenvolvam Transtorno de Estresse Pós-Traumático.

O que é o Transtorno de Estresse Pós-Traumático?

O Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT) é um transtorno psiquiátrico que ocorre após a exposição a eventos traumáticos. Ele é responsável por afetar a qualidade de vida do paciente e exigir um tratamento regular para reduzir os sintomas.

De acordo com o Médico Psiquiatra Dr. Flávio H. Nascimento, o transtorno pode surgir tanto em quem passou diretamente pela experiência traumática, quanto por quem foi afetado indiretamente por ela.

Foto:MF Press Global – Dr. Flávio Henrique é formado em medicina pela UFCG, com residência médica em psiquiatria pela UFPI e mais de 10 anos de experiência na área de psiquiatria.

Os eventos traumáticos que desencadeiam o transtorno podem variar desde acidentes graves, violência, situações de guerra e desastres naturais, por exemplo. Mas uma grande preocupação é que, muitas vezes, pessoas que não tiveram contato direto com o evento, como familiares das vítimas, também podem ser acometidas pelo problema”.

Principais sintomas do Transtorno de Estresse Pós-Traumático

– Flashbacks vívidos e intrusivos do evento traumático;

– Pesadelos recorrentes relacionados ao trauma;

– Problemas de concentração e do sono

– Pensamentos negativos persistentes sobre si mesmo ou sobre o mundo;

– Sensação de isolamento social e dificuldade em se conectar emocionalmente com os outros;

– Reações intensas a estímulos que lembram o trauma, como batimentos cardíacos acelerados ou sudorese.

Como é feito o tratamento do Transtorno de Estresse Pós-Traumático 

O tratamento usado para tratar a condição deve ser personalizado para cada paciente para atender melhor às necessidades de cada situação, mas em geral é usada uma combinação de técnicas, explica o Dr. Flávio H. Nascimento.

O tratamento do TEPT geralmente envolve uma combinação de técnicas, como a terapia psicológica e medicamentos”.

A terapia cognitivo-comportamental (TCC) focada no trauma, por exemplo, ajuda o paciente a processar o evento traumático e desenvolver habilidades para lidar com os sintomas. Além disso, certos medicamentos, como antidepressivos,podem ser prescritos para ajudar a aliviar os sintomas”, explica.

Fonte: Assessoria

banner lateral 300x300px 2

banner lateral 300x300px 2

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

banner lateral 300x300px 3