Início Empreendedorismo Na ARSP são elas que comandam

Na ARSP são elas que comandam

banner topo matérias 728x90px

A Agência de Regulação de Serviços Públicos (ARSP) tem por finalidade regular, controlar e fiscalizar, no âmbito do Estado do Espírito Santo, os serviços de saneamento básico abrangendo abastecimento de água e esgotamento sanitário, pedágios das rodovias, energia elétrica e gás natural.

Em cada estado existe um órgão com funções similares à agência capixaba. A diferença entre essas instituições está no comando. A ARSP é a única agência reguladora do país comandada, exclusivamente, por mulheres. No dia 2 de julho, o Governador Renato Casagrande (PSB) efetivou Joana Magella no cargo de Diretora-presidente e nomeou Bárbara Carneiro Carniçali, Diretora-administrativa e financeira, Kátia Muniz Côco, Diretora de Saneamento Básico e Infraestrutura Viária e Debora Cristina Niero, Diretora de Gás Canalizado e Energia.

“Ter mulheres no comando de órgão público demonstra a capacidade feminina em cargos de gestão. A confiança depositada em nós comprova que o governo capixaba valoriza e reconhece a competência feminina, dando oportunidade a profissionais que agregam a esta Agência Reguladora, independentemente do gênero. O que deve ser considerado não é o gênero e sim a competência e profissionalismo na condução dos trabalhos”, disse Joana Magella.

Além de ser a primeira vez que a ARSP possui uma diretoria composta exclusivamente por mulheres, essa é a única empresa ou órgão público capixaba que possui no seu comando apenas mulheres.

Além da formação 100% feminina, a indicação de servidores de carreira para composição da diretoria, com a efetivação da servidora Joana Magella no cargo de Diretora-presidente e a designação da servidora Debora Niero para o cargo de Diretora de Gás e Energia, demonstra que o governador Renato Casagrande e o secretário estadual de Desenvolvimento, Tyago Hoffmann, apostam no perfil técnico e independente, para exercer um trabalho com imparcialidade, sem interferências externas.

Veja o que disseram as diretoras da ARSP sobre as suas nomeações:

Joana Magella, Diretora Presidente da ARSP
“Regras construídas socialmente ainda reservam às mulheres posições subalternas em relação aos homens. Logo, reduzir esta disparidade de gênero no mercado de trabalho deve ser prioridade tanto no setor público quanto no setor privado. A prova que esta luta está produzindo frutos positivos é a nossa Diretoria Colegiada, órgão máximo da ARSP, ser formada por quatro mulheres. A composição 100% feminina faz com que a ARSP se destaque mais uma vez no cenário estadual.

Ressalta-se ainda que na ARSP, independentemente de gênero, há um ambiente de respeito ao trabalho técnico e de qualidade, como deve ser qualquer lugar. Com relação a minha efetivação no cargo de Diretora Presidente, acredito que, além de desafiadora, demonstra o reconhecimento e confiança no meu trabalho. O governador me deu uma grande missão e estou pronta e muito motivada para entregar resultados positivos para a sociedade capixaba, melhorando a prestação dos serviços públicos regulados através de uma regulação eficiente. Iremos dar continuidade aos projetos em andamento, sem ter prejuízos com mudanças de diretoria.”

 

Bárbara Carneiro Caniçali, Diretora Administrativa e Financeira
“Ser a primeira Agência Reguladora do Brasil dirigida apenas por mulheres é uma conquista que só demonstra a competência e confiança que nós estamos recebendo do Governo do Estado. Infelizmente isso não deveria ser uma pauta, essa oportunidade deveria ser corriqueira, mas aos poucos mostraremos que não é apenas o “toque feminino” que importa, mas sim o poder e a igualdade de sermos lideranças em uma instituição de grande importância”.

 

Kátia Muniz Côco, Diretora de Saneamento Básico e Infraestrutura Viária
“Eu tive um excelente exemplo em casa, por ter uma mãe que liderou a criação dos filhos e as finanças do lar. Isso serviu como referência de liderança feminina. Entretanto, para as mulheres conseguirem espaço como gestoras no mercado de trabalho é preciso muito mais do que inspiração familiar, é preciso capacitação e comprometimento. A todo momento você deve se aperfeiçoar, mostrar competência e resultados no trabalho”.

 

Debora Cristina Niero, Diretora de Gás Canalizado e Energia
“Em reuniões técnicas presenciei gestoras relatarem sobre as dificuldades enfrentadas. Muito se fala sobre o quanto é necessário promover a inclusão feminina e sobre igualdade de gênero no mercado de trabalho, em especial nos cargos de direção. No entanto, oportunidades reais não são criadas, mas, aqui temos um exemplo do reconhecimento da nossa competência e capacidade”.

Conheça a ARSP

A Agência de Serviços Públicos – ARSP tem por finalidade, regular, controlar e fiscalizar, no âmbito do Estado do Espírito Santo, os serviços de saneamento básico abrangendo abastecimento de água e esgotamento sanitário, pedágios das rodovias, energia elétrica e gás natural.

A ARSP, como órgão regulador, tem como competência elaborar normativos contendo diretrizes para que as concessionárias possam seguir e assim oferecer uma prestação de serviço adequada à sociedade. Através de suas fiscalizações periódicas busca reduzir os abusos, exigir qualidade e eficiência na prestação do serviço público. Além disso, a Agência é responsável pela regulação tarifária dos setores de saneamento básico, infraestrutura viária com pedágio e gás natural canalizado, fixando, portanto, as tarifas pagas pelos usuários dos serviços.

Sendo assim, a ARSP exerce um papel de suma importância para a sociedade capixaba, uma vez que busca contribuir para o desenvolvimento do Estado e qualidade de vida de sua população, pela promoção do acesso, qualidade e continuidade dos serviços públicos de saneamento básico, infraestrutura viária com pedágio e gás canalizado e estudos na área de energia elétrica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

banner lateral 300x300px 2

Anuncio de video

HTML Code here

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -
- Publicidade -