Início Noticias Moradores denunciam ''esquema'' do rotativo em Guarapari: Veja como funciona

Moradores denunciam ”esquema” do rotativo em Guarapari: Veja como funciona

banner topo matérias 728x90px

Passado o verão, a empresa Rizzo Parking , responsável por administrar o estacionamento rotativo na cidade de Guarapari, começou a notificar os veículos que não estavam com o ticket de estacionamento visível no para-brisa. O problema é que com a notificação fica uma cobrança no valor de R$15,00 e um aviso de que se esse valor não for pago à empresa num período máximo de 24 horas, o motorista receberá uma multa no valor de R$124,00.

Indignados com essa situação, motoristas enviaram para nossa redação vídeos que comprovam que a empresa não contratou cobradores suficientes, o que dificulta o pagamento do estacionamento. Em um dos vídeos, uma motorista reclama que não conseguiu efetuar o pagamento por não encontrar cobrador no local, mas que ao retornar ao veículo, a notificação de débito de R$15,00 estava no para-brisa.

Depois que recebeu essas informações, na sexta-feira (12/3), uma equipe do Realidade Capixaba circulou pela cidade e estacionou em três dos principais pontos comerciais e turísticos de Guarapari. Nossa equipe gravou vídeos nos locais que comprovam que não existem cobradores em nenhum desses pontos. Veja vídeos gravados pela nossa equipe no Centro de Guarapari, Muquiçaba e Praia do Morro.

No primeiro vídeo, o veículo foi estacionado na rua onde fica a sede da empresa do rotativo. Ao perceber que não existia nenhum cobrador no local, nossa equipe foi até a sede da empresa e recebeu a informação de um funcionário da Rick Park que “não existem cobradores suficientes. O que temos são fiscais que notificam os carros que não efetuaram o pagamento”. Nossa equipe questionou sobre a necessidade da empresa contratar mais cobradores ou instalar parquímetros nas ruas onde a cobrança está sendo realizada. Irritado o funcionário disse: “Se quer pagar, baixe nosso aplicativo ou procure um ponto de venda para comprar antecipadamente a cartela”. A forma como se manifestou o funcionário comprova que a empresa não está preocupada em facilitar a cobrança e que sua força de trabalho está focada nas notificações e multas. Um período de estacionamento de uma hora custa R$2,00. A notificação tem o valor fixo de R$15,00. Assim, fica fácil entender. Além de não gastar com funcionários, o lucro com as notificações é em médica sete vezes o valor do estacionamento.

Enquanto essa matéria era produzida, o vereador Izac Queiroz (PP), entrou em contato para realizar a mesma denúncia que recebeu de outros motoristas. “Acho um absurdo o fato de que o condutor do veículo tenha que sair do carro e ir ao encontro de um cobrador da empresa que opera o estacionamento rotativo, o que normalmente não se encontra no local. Após retornar, recebe uma notificação no valor de R$ 15,00 e ainda corre o risco de ser multado por um agente de trânsito. Temos que rever esse edital, cobrar a instalação de parquímetros e a contratação de mais cobradores para evitar esses desgastes”. Afirmou o vereador Izac Queiroz que relatou a nossa equipe que na próxima semana entrará com um pedido de convocação dos responsáveis pelo rotativo para explicarem os fatos denunciados por inúmeros motoristas.

Em contato com nossa equipe, o vereador Zazá (Podemos) informou que também recebeu denúncias de moradores e que irá procurar a empresa para exigir esclarecimentos. “São muitas reclamações, inclusive uma moradora que está grávida encostou o carro para pedir ajuda porque estava passando mal e ao se afastar do veículo por menos de 10 minutos teve uma notificação colocada em seu para-brisa. Vamos exigir explicações e vou levar ao conhecimento de todos o que está acontecendo”, disse o vereador Zazá.

Colabore com a investigação

Se não encontrou um cobrador da empresa de rotativo e ao retornar para seu veículo, você encontrou no para-brisa uma notificação de R$15,00, envie uma foto para o WhatsApp do Realidade Capixaba: (27) 99814-2237 ou deixe um comentário no final da matéria, que nossa equipe irá encaminhar aos gabinetes dos vereadores Izac Queiroz e Zazá para que a empresa se pronuncie.

3 COMENTÁRIOS

  1. Essa empresa é uma fábrica de multas!! Não tem pessoal para cobrar e é mais lucrativo a notificação! Aconteceu comigo também, filmei toda a rua Roberto Calmon e não tinha nenhum agente, mas quanto voltei, estava lá a notificação! Absurdo!!

  2. Um absurdo. Está acontecendo com frequência na cidade. Aonde já se viu obrigatório aplicativo ou pessoa física. Não existe isto. Obrigatório e a máquina. Absurdo. Roubo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

banner lateral 300x300px 2

Anuncio de video

HTML Code here

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -
- Publicidade -