segunda-feira, 24 de junho de 2024 / 20:38
InícioCidadesValor dos cachês de shows chama atenção em Guarapari

banner topo matérias 728x90px

Valor dos cachês de shows chama atenção em Guarapari

Em recente entrevista coletiva, o governador Paulo Hartung disse estar preocupado com as prefeituras que gastam com shows milionários sem se preocupar com a crise “Essa é uma hora de contenção de gastos. Não é hora de gastar com festas caras sem ter a garantia de que tem o recurso para pagar.” Disse o governador.  Se somarmos o valor dos shows no carnaval, a festa de São Pedro, Esquina Cultural e a festa da cidade, a prefeitura vai gastar mais de 500 mil reais com artistas locais e nacionais.

Guarapari é uma cidade turística e sua economia depende do fluxo de visitantes para potencializar a geração de emprego e renda, mas a recomendação feita pelo Tribunal de Contas é de que as prefeituras tomem cuidado com os valores pagos e a forma como esses pagamento são realizados.

Em Itapemirim, o prefeito Luciano, reeleito no ano passado, responde na justiça por ter realizado contratações de shows com suspeitas de superfaturamento.

Essa semana, a prefeitura de Guarapari ofereceu um café da manhã para anunciar a programação do evento Esquina Cultural, que tem como objetivo movimentar a cidade no período de férias escolares. Junto com os shows nacionais anunciados, Família Lima e Claudio Zoli, a prefeitura anunciou a contratação do Maestro Mauro, musico de Guarapari que se apresentou recentemente em Santa Tereza, além de ser parte da programação de carnaval de Anchieta em 2016 e Guarapari em 2017.

A equipe do portal Realidade Capixaba teve acesso ao valor do cachê cobrado pelo musico nas apresentações em Santa Tereza, Anchieta e Guarapari. Em Santa Tereza o musico recebeu R$3.700,00 (três mil e setecentos reais) por um dia de apresentação, conforme consta nos autos do processo numero 4305/2017 de 11 de março de 2017.
Em Anchieta, durante o carnaval de 2016, o musico recebeu R$3.000,00 (três mil reais) por apresentação, conforme demonstra processo administrativo 1624/2016.
Em Guarapari, durante o carnaval de 2017, o musico recebeu em média R$8.000,00 (oito mil reais) por apresentação, conforme consta no processo numero 2866/2017.

O que chama a atenção no contrato anunciado para a realização do projeto Esquina Cultural é o valor pago pela prefeitura para a contratação do musico Maestro Mauro. Durante o carnaval, que é um período considerado como alta temporada e por isso os artistas cobram mais caro, o musico recebeu R$8.000,00 (oito mil reais) por apresentação. Para se apresentar no projeto Esquina Cultural a prefeitura vai pagar ao musico o valor de R$70.000,00 (setenta mil reais). Se dividirmos pelo numero de apresentações que o musico fará no projeto, três apresentações, chegamos ao valor de mais de R$23.000,00 (vinte e três mil reais) por apresentação, o que supera em muito o valor pago pela mesma prefeitura no período do carnaval.

banner lateral 300x300px 2

4 COMENTÁRIOS

  1. Quando não se faz nada em Guarapari o povo reclama de boca aberta, quando alguém quer fazer algo de bom pela cidade e seus moradores outros reclamam de trombone…. enfim pergunto eu a o governador Paulo Hartung, se Guarapari e a capital do turismo do ES, que final será dado a Praia da Cerca no final da Praia do Morro, ela vive abandonada, sem calçamento e banheiros para os turistas, a praia de Santa Mônica sem final de obras a mais de 8 anos, o asfalto de Setiba até ao Posto Esplanada, sem terminar o recapeamento sem faixas para veículos e pedestres, Sem ônibus ou micro ônibus nas ruas do centro, fazendo a terceira idade sofrer para se locomover, essas e muitos outras coisas tem que ser revistas

  2. Paulo Hartung já quebrou as cidades turísticas com sua atitude na greve da policia e pela indicacão política na área de turismo. Quer fazer seu nome às custas da desgraça do Estado em que a maioria dos municipios dependem do turismo. O desemprego nessa área é enorme e quando se manifesta é dessa forma imprópria. Como se houvessem investinentos em turismo no estado! Quer fazer política mesquinha para se auto promover. Não diz que hoteis e pousadas do estado estão vazias há muito tempo e o estado teve uma enorme divulgação negativa a nível nacional enquanto ele se promovia.

  3. Guarapari precisa de investir em atrações turísticas, e esse festival de inverno deve ser realizado todo ano. Bom seria se essa rua do centro fosse fechada e calçada com pedras para dar um clima parecido com o de Búzios.

  4. Espera aí fazer algo pela cidade , é uma coisa assaltar os cofres públicos é outra, então vcs aí que apoiam gostam de apoiar as falcatrua as que andam fazendo com nosso dinheiro, aí é chamar o povo de burro.
    Por que que em uma cidade ele cobrá 3000.00 e alguma coisa e guarapari cerca 8000.00.
    Será que isto é certo.

Comments are closed.

banner lateral 300x300px 2

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

banner lateral 300x300px 3