Página Inicial / Esporte e Saúde / Hospital da Polícia Militar será reformado

Hospital da Polícia Militar será reformado

O governador do Estado, Renato Casagrande, assinou quinta-feira (24), a Ordem de Serviço para início da reforma geral do Hospital da Polícia Militar, localizado no bairro Bento Ferreira, em Vitória. O investimento realizado será de R$ 1.557.998,14 e faz parte do plano de reestruturação da Segurança Pública, no escopo do programa Estado Presente em Defesa da Vida. A obra servirá para reestruturar grande parte das instalações elétricas da unidade, que já vinham sendo alvo de investimentos desde o início do ano passado. As intervenções também serão realizadas nas estruturas físicas do hospital, como na Policlínica; Centro Farmacêutico e Bioquímico; Centro Odontológico; Centro Administrativo; Centro de Perícias e Promoção da Saúde; Centro de Enfermagem; Centro de Promoção Social; e Centro Logístico Financeiro.

“Tudo o que a gente dá continuidade gera resultado. Acabamos de concluir o Serviço de Verificação de Óbitos, o SVO, uma obra que ficou de ótima qualidade. Infelizmente não houve continuidade de investimento em infraestrutura. Assim que assumimos o governo, colocamos em prática o projeto de melhoria na infraestrutura. No ano passado, investimos 15% a mais do que comparado com 2018. Na segurança pública começamos tudo de novo, pois não houve continuidade”, pontuou o governador Renato Casagrande.

Casagrande prosseguiu: “Retomamos as obras, o Programa Estado Presente e as promoções. Tudo para que possamos valorizar nossas forças de segurança, trazendo mais qualidade no trabalho dos policiais e ampliando o enfrentamento à criminalidade. Gostaria de deixar o meu agradecimento aos comandantes e a toda força de segurança pelos bons resultados que temos apresentado”, lembrou o governador.

O coronel Carlos Alberto Bariani Ribeiro, diretor de Saúde da Polícia Militar e gestor do HPM, agradeceu ao governador Renato Casagrande pela proatividade em relação às melhorias da estrutura do hospital. “Há poucos meses, no início da pandemia, o governador nos visitou, vistoriou várias partes da unidade e, na época, ele por iniciativa própria, disse que o Governo iria fazer a reforma do HPM. Ele entendeu a necessidade. Nós ficamos muito felizes, pois fizemos planejamento para contemplar toda a estrutura elétrica da unidade. Com isso poderemos atualizar todos os consultórios e dar mais celeridade aos nossos atendimentos, fora a melhoria das estruturas físicas. Esse é um grande passo para o HPM”, afirmou coronel Bariani.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Alexandre Cerqueira, destacou a importância de se ter uma estrutura dedicada e que dá uma retaguarda aos militares do Estado, na questão da saúde. “O Hospital da Polícia Militar é uma importante retaguarda para os militares que estão nas ruas. Tenho certeza que esse é apenas mais um passo desse Governo no oferecimento de estruturas dignas aos nossos policiais e bombeiros do Espírito Santo”, disse coronel Cerqueira.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Douglas Caus, enfatizou o nível de investimento do Governo que, segundo ele, é o maior da história nas quase três décadas de existência do HPM. “Durante 28 anos esse hospital nunca passou por um grau de intervenção como está passando pelo Governo Renato Casagrande. Já são mais de R$ 3,5 milhões em investimentos e estamos fazendo reformas constantes. Sem dúvida esse é o maior aporte ao HPM. Gerir a unidade é um grande desafio e tudo isso só foi possível pela competência da equipe que aqui atua. Teve gente que achou que não conseguiríamos, mas fizemos nossa parte com gestão, planejamento e projeto. Hoje estamos colhendo os resultados”, apontou o coronel Caus.

O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho, destacou o fato das obras e investimentos no HPM irem além do valor financeiro, dando ainda mais dignidade aos policiais e bombeiros militares do Estado. “O valor dessa obra é intangível. Ele alcança o valor da necessidade e alívio aos nossos policiais e familiares desses militares. Com a sensibilidade do governador estamos conseguindo resolver. O programa Estado Presente contempla dar satisfação e melhor condição de trabalho aos nossos servidores e à família militar. Temos vários projetos dentro de um planejamento para que alcancemos um bom resultado e estamos no caminho certo, buscando os melhores resultados”, acrescentou Ramalho.

Fonte: Assessoria Sesp/ES



Sobre Redação

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *