Página Inicial / Cidades / Vereadores se unem e criam a ASCAMES

Vereadores se unem e criam a ASCAMES

veradres

Em cerimônia realizada no plenário da Câmara de Vitória, dia 15/9, sexta-feira, às 10h, foi criada a  Associação das Câmaras Municipais do Estado do Espírito Santo – ASCAMES, que tem sua constituição social dedicada exclusivamente à defesa e ao fortalecimento do Poder Legislativo municipal e da atuação de seus vereadores, no aspecto de entidade reivindicatória junto aos mais diversos órgãos públicos ou privados e, mais recentemente, na capacitação dos vereadores e servidores legislativo municipal.

No Espírito Santo, somos em 838 vereadores que conquistaram mais de 1.500.000,00 (Um milhão e quinhentos mil) votos nas eleições de 2016. “O projeto de criação desta Associação foi idealizado por nossa equipe, e ganhou corpo durante a organização do Primeiro Encontro Estadual de Vereadoras e Vereadores do  Espírito Santo, que promovemos em Baixo Guandu, no mês de abril deste ano.  Como parte da deliberação daquela plenária, estamos realizando reuniões nas 07 (sete) microrregiões do Estado, para expor com muita clareza nossa visão, nossa missão e principalmente nossos objetivos. Para que possamos nascer fortes e unidos, é importante que todos os Presidentes das 78 (setenta e oito) Câmaras se envolvam de fato neste projeto”, afirmou o Diretor-presidente da Ascames, Wilton Minarini de Souza Filho.

Miniari

Além dos vereadores, estiveram presentes representantes da sociedade civil organizada. “Participamos do evento de posse da diretoria da Ascames em Vitória. Parabéns aos vereadores Wilton Minarini de Baixo Guandu; Gilsinho Filho de Laranja da Terra; Alcântaro Filho de Aracruz; Gelson Gobbo de Itaguaçu e, Antônio Emílio de Nova Venécia, por acreditarem nesta iniciativa de unir os vereadores. Tenho certeza que esta primeira diretoria fará um grande trabalho à frente da Ascames”. Juscelino Brzesky, vice-presidente Estadual da União Geral dos Trabalhadores – UGT/ES.

vereadores

 

 

No Banner to display



Sobre Stephane Figueiredo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display