Página Inicial / Noticias / Libras rompe silêncio e promove inclusão nas escolas de Viana

Libras rompe silêncio e promove inclusão nas escolas de Viana

unnamed
Fonte: Secretaria de Comunicação, Cultura e Turismo – Prefeitura de Viana

O silêncio entre alunos surdos e os que ouvem com perfeição nas escolas de Viana é uma barreira que vem sendo rompida. É na escola o melhor lugar para promover a inclusão entre todos os alunos com algum tipo de deficiência, e, para os estudantes com deficiência auditiva, o município promove essa inclusão durante o ‘Momento Libras’, atividade que ensina a Língua Brasileira dos Sinais para todos em sala de aula. O assunto no último domingo (05) chamou a atenção por ter sido o tema adotado para a redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017.

São mais de 330 alunos com algum tipo de deficiência na rede de ensino do município. Esse grupo é atendido por cerca de 40 professores que atuam na Educação Especial. Além disso, 100 estagiários dão suporte neste trabalho, que também conta com a participação dos pedagogos, coordenadores e toda a equipe da escola, sempre acompanhada pela Secretaria de Educação que realiza cursos e formação contínua.

O objetivo é promover cada vez mais e com qualidade a inclusão em sala de aula. “É um trabalho que a cada ano vem sendo construido e inovado. Hoje, na rede, são cinco alunos surdos e, juntamente às demais 330 crianças com deficiência atendidas nas escolas municipais, elas contam com outro recurso: as 19 Salas de Atendimento Educacional Especializado (AEE)”, disse a secretária de Educação de Viana, Luzian Belisario.

Momento Libras

O projeto ‘Momento Libras’ nas escolas de Viana tem o objetivo de sociabilizar os alunos e foi criado após ser identificada a dificuldade de comunicação entre as estudantes Vitória Arruda Farias e Ana Júlia Da Silva, alunas da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Doutor Denizart Santos, em Industrial, com os demais colegas da escola. “Notamos que elas ficavam isoladas dos demais colegas e a forma que encontramos de aproximá-los foi inserir a Libras na rotina escolar. Além da Libras, elas também recebem reforço nas aulas de Língua Portuguesa”, disse a gerente de Educação Especial de Viana, Gabriela Roncatti.

O “Momento Libras” é realizado nas escolas Doutor Denizart Santos, em Industrial, Constantino José Vieira, em Marcílio de Noronha e Padre Antunes Siqueira, em Viana Sede, onde existem alunos com deficiência auditiva e é ensinado para os alunos surdos e não surdos. Ao todo, cerca de 700 alunos participam do momento em sala de aula. “Hoje a comunicação entre os alunos ficou mais facilitada o que fortaleceu o laço de amizade”, destaca o diretor da escola Denizart Santos, Fabrício Nascimento.

Na EMEF Padre Antunes, a pequena Isadora, aluna da unidade de ensino, além de interagir com os colegas em sala de aula também interage por meio de outras atividades como a Ginástica Rítmica. A iniciativa do ‘Momento Libras’ recebeu a aprovação dos estudantes que entenderam a necessidade de aprender a linguagem para se comunicar com as alunas deficientes, além de ter sido um dos grandes vencedores do Prêmio da Inovação na Gestão Pública do Estado do Espírito Santo, o Inoves em 2016 na categoria práticas transformadoras, com o projeto Libras: Linguagem Brasileira de Sinais – Mãos que Transformam.

Fonte: Secretaria de Comunicação, Cultura e Turismo – Prefeitura de Viana

TekNow



Sobre Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display