Página Inicial / Cidades / Prefeitura de Guarapari quer ‘derrubar’ herói da Marinha e irrita comando militar

Prefeitura de Guarapari quer ‘derrubar’ herói da Marinha e irrita comando militar

WhatsApp Image 2018-02-21 at 12.14.56

Na manhã desta quarta-feira (21), a prefeitura de Guarapari iniciou as obras de reformas da orla da Prainha. A informação seria positiva se a prefeitura não tivesse esquecido de comunicar o comando Militar da Marinha, que precisa autorizar o serviço.

Moradores da região relataram que a prefeitura ia ‘derrubar’ o busto que é do Herói de Guerra, o Guarda Marinho João Guilherme Greenhalgh, herói da Batalha Naval do Riachuelo,  e que a nova planta não tem espaço para o busto do Herói da Marinha. O fato desagradou o comando militar que determinou a suspensão das obras até que o problema seja solucionado. Solicitamos explicações à prefeitura, mas até o momento não foi enviada uma resposta para nossa equipe.

obras prainha (14)   obras prainha (13)



Sobre Redação

3 Comentarios

  1. PAULO CEZAR THIEBAUT

    O nome do posto é Guarda-Marinha, e antecede, na Marinha do Brasil, ao posto de 2° Tenente. O Guarda-Marinha João Guilherme Greenhalgh lutou na Guerra do Paraguai e, na Batalha do Riachuelo, combateu a bordo da lendária Corveta Parnahyba (isso mesmo, Paraíba!).

    A bravura da tripulação da Parnahyba tornou-se célebre, destacando-se o Guarda-Marinha João Guilherme Greenhalgh, o Imperial-Marinheiro Marcílio Dias, os oficiais do Exército Capitão Pedro Afonso Ferreira e Tenente Inácio de Andrade Maia, tombados na batalha.

    A nossa bandeira que chegou a ser arriada por um oficial paraguaio, o qual também se apoderou do leme, foi defendida até à morte pelo Guarda-Marinha Greenbalgh e pelo Capitão do Exército Pedro Afonso Ferreira, que morreram terrivelmente acutilados, mas emergiram para os esplendores da história.

    Para homenagear sua memória, ainda nesse ano de 1885, o governo mandou dar o seu nome a uma Canhoneira, a qual prestou assinalados serviços na própria guerra contra o governo do Paraguai. Mais dois navios perpetuaram-lhe o nome: um pequeno vapor de casco de madeira, transformado em torpedeira, um Contratorpedeiro líder de flotilha construído no Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro e a atual Fragata Greenhalgh – F 46.

  2. prefeito nao e humilde tantas coisas a se preocupar vai arrumar poblemas com coisas tao comuns e facil de se rezolver so porque tem uma micharia no bolso acha que pode passar por cima dos outros .. nao podemos ser assim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display