Página Inicial / Noticias / O trânsito, a mobilidade, Guarapari e o emprego

O trânsito, a mobilidade, Guarapari e o emprego

Guarapari é uma das cidades que fazem parte da Região Metropolitana da Grande Vitória (RMGV) junto com outros municípios (Cariacica, Fundão, Serra, Viana, Vila Velha) e a capital do Estado (Vitória) e que segundo o IBGE, esses sete municípios abrigam quase a metade da população total do Espírito Santo (46%) e 57% da população urbana do estado. Produzem 58% da riqueza e consomem 55% da energia elétrica. (IBGE/2015)

Guarapari está entre as cidades do estado do Espírito Santo que é mais visitada e a mais conhecida pelos turistas da região sudeste, principalmente pelos cariocas e mineiros e pelos baianos pela região nordeste.

Apesar dessa proeza alcançada e pelo apelido (cidade saúde) que mantém um ar de cidade de aposentados e turistas e pelas suas belezas naturais; Guarapari tem sim a característica de cidade que trabalha também, de uma cidade urbana e que há nela pessoas dispostas a desenvolverem suas atividades, seus ócios e seus ofícios.

No que tange essa a geração de emprego e renda, há na cidade de Guarapari muitos moradores que vão às cidades vizinhas em busca de emprego e outras em busca de empregos com salários melhores, cidade vizinhas e da região metropolitana, tais como: Vila Velha, que é o principal caminho dos guaraparienses em busca de emprego e ainda a cidade de Vitória e Cariacica.

A problemática é que quando Guarapari chegam às empresas de suas vizinhas as portas estão sempre fechadas. Não pelo motivo de não haver vagas e sim pelo fato de ficar uma certa distância. Porém, a distância não seria o problema se houvesse transporte coletivo suficiente para que os que estão em busca de trabalho e emprego pudessem ir e vir de forma mais rápida.

No entanto, hoje, há uma linha de ônibus que faz a linha (itinerário) terminal de Itaparica – Trevo de Setiba. Assim, o coletivo é de 40 em 40 minutos, certas horas do dia e depois aumenta o intervalo e além do fato de esperar 40 minutos, o ônibus leva em torno de 40 minutos para chegar no terminal. Levando um tempo médio de 1h e 20 min. De tempo de espera e chegada. Isso faz com que algumas empresas recusem currículos que tem como endereço a cidade de Guarapari. Tais como a empresa Call Center e supermercados.

Enfim, oxalá que em breve Guarapari ponha os pés de fato na região metropolitana e possa desfrutar de serviços e empregos ofertados nas cidades vizinhas para seus munícipes com a oferta de mais ônibus do sistema Transcol.



Sobre Redação

2 Comentarios

  1. Muito bom! Isso é uma verdade professor q infelizmente nós estamos vivendo agora! ???? vc foi muito feliz nesse post ! Sucesso a todos! E melhorias para os guaparienses…

  2. Muito bom! Isso é uma verdade professor q infelizmente nós estamos vivendo agora! ???? vc foi muito feliz nesse post ! Sucesso a todos! E melhorias para os guaraparienses…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display